02 setembro 2013

Into The Wild

Existe prazer nas matas densas.
Existe êxtase na costa deserta.
Existe convivência sem que haja intromissão no mar profundo e música em seu ruído.
Ao homem não amo pouco, porém muito a natureza.
Lord Byron

Butterflies can't See their Wings | via Tumblr


O que dizer da sociedade em que vivemos quando ela nos impõe de alguma forma sobreviver com o que ela nos propõe? Seria inútil falar que nós seres humanos não conseguimos nos livrar de todo materialismo que temos e tentar seguir com o "básico" e ser natural, e literalmente viver de natureza. Poucas pessoas fazem isso, e poucas pessoas reconhecem que isso é bonito, e outras tantas, acham que isso é ridículo. 

O filme Na natureza selvagem,é baseado numa história real, narrada por Jon Krakauer no livro homônimo. E  dirigido por Sean Penn que leva às telas essa jornada pelo desconhecido.  Você verá que para ser feliz não precisamos de consumismo, nem dessa realidade mesquinha.

Chris McCandless (Emile Hirsh), acaba de se formar na faculdade e, assim como a maioria dos jovens nessa situação, não se sente preparado para assumir as responsabilidades da vida adulta, nem mesmo sabe, afinal, o que espera dela. São tantas as opções que ele escolhe doar seu dinheiro à caridade para partir de bolsos vazios a uma jornada em direção ao Alasca. Só ele e sua mochila.


Eu decidi viver assim por um tempo. A liberdade e a beleza dos detalhes são boas demais para deixar passar. -Christopher McCandless  (1968- 1992)


5 comentários:

  1. Esse filme é incrivel!
    Acredito que o mesmo despertar que eu senti, vc teve .
    Filme inspirador, por um momento nos dá coragem. Mas depois olhamos em volta já é tarde, vamos dormir. Amanha pego o trem cedo.

    Lembro que fiz até uma postagem desse filme: http://minhaformadeexpressao.blogspot.com.br/2013/03/na-natureza-selvagem-um-extinto-que-nao.html

    Queria ter a coragem igual a dele!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E sem contar essa imagem, ÉPICA!

      Excluir
    2. Foi exatamente isso que sentir ao vê-lo. Dá uma coisa, sabe.. rs

      Coragem eu tenho. Só ainda não fiz. :)
      E sim, vi o post resenha lá no seu blogue mesmo. :)
      Essa cena do filme é linda.

      Excluir
  2. Deve ser um filme lindo. Gostaria de voltar a ter coragem de assistir filmes e assistir esse e mais uma boa quantidade que tenho numa lista =/
    Obrigada pela visita no blog o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim Erica. Vale a pena dar uma olhada, você não vai se arrepender.

      Excluir

BLOG SEJA LIVRE, VOE! | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2015 ©| Design e Código: Layanne Eduarda | • voltar ao topo